51 3284-1800

SindisprevRS OF

Gasto com servidores federais em 2009 foi menor que em 1995

COMPARTILHE:

Nesta semana, a grande imprensa fez coro com o governo contra as greves no Serviço Público, argumentando que os reajustes para o Funcionalismo Federal teriam variado de 100% a 576% durante o atual governo. Interessante observar a diferença de tratamento nos dados quando a imprensa fala sobre a dívida pública, onde constantemente se utiliza o dado de “dívida/PIB”.

Ao analisar a página 26 do Boletim Estatístico de Pessoal do Ministério do Planejamento de janeiro de 2010 (disponível em www.planejamento.gov.br), e observando os dados do PIB, verifica-se que os gastos totais com servidores (ativos, aposentados e pensionistas), atingiram em 2009 o valor de 4,76% do PIB, ou seja, VALOR MENOR que o vigente em 1995, primeiro ano de FHC, que foi de 5,36%. Portanto, verifica-se que o país gasta hoje, com seus servidores públicos federais, uma quantia menor que em 15 anos atrás.

Ainda assim, imprensa e governo insistem em tentar colocar o Servidor Público como o responsável pelo “rombo” das contas públicas, que se origina, na verdade, do endividamento feito pelo próprio governo.

follow:

CONTEÚDOS