51 3284-1800

SindisprevRS OF

Nota sobre a suspensão de atendimentos no Hospital Materno Infantil Presidente Vargar

COMPARTILHE:

Os atendimentos ambulatorial, de emergência e cirurgias eletivas foram suspensos no Hospital Materno Infantil Presidente Vargas, em Porto Alegre, nesta sexta-feira. O motivo foi a identificação de caxumba em três servidores do Hospital que trabalham com atendimento ao público.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde dos 865 profissionais que atuam no local, apenas 300 estão imunizados com a vacina tríplice viral. O Sindisprev RS se solidariza com os servidores que foram expostos e se contaminaram com o vírus causador da caxumba. É importante lembrar que o sucateamento e o desmonte que atingem o SUS são fatores que, além de prejudicar a população usuária dos serviços públicos de saúde, incorrem em riscos para a saúde dos trabalhadores dessa área.

É necessário que a Secretaria Municipal de Saúde garanta a vacinação de todos os servidores e condições adequadas de controle e de limpeza, para que não haja contaminação de outros trabalhadores e nem de pacientes do Hospital.

follow:

CONTEÚDOS