51 3284-1800

SindisprevRS OF

Ato em defesa da Previdência Social

COMPARTILHE:

Para cortar custos e não ter que contratar funcionários, o governo federal adotou uma política de limitar o atendimento à população e fechar agências do INSS. Frente a isso, as filas e o represamento de pedidos de benefícios não atendidos começaram a se avolumar, até o ponto do intolerável, demonstrando total irresponsabilidade e falta de respeito do governo com os servidores e, principalmente, com a população.

Depois de não ter feito nada para evitar o colapso no atendimento do INSS, o governo quer agora contratar 7 mil militares da reserva para trabalharem no atendimento à população. Não passa de uma medida "tapa-buraco", que não irá resolver o problema, pois, até que estejam capacitados para o trabalho nas agências, irão se passar vários meses.

A população não pode mais ficar esperando meses por uma solução parcial. É PRECISO RESOLVER O PROBLEMA IMEDIATAMENTE, E DE FORMA EFETIVA! Por isso, dia 24 de janeiro, dia em que a Previdência Social comemora 97 anos no Brasil, estaremos nas ruas em defesa da Previdência Pública e do INSS. Para isso, propomos a seguinte plataforma emergencial:

A) Retomada do atendimento presencial à população nas agências do INSS;

B) Força tarefa com servidores do INSS recentemente aposentados para trabalhar nos benefícios represados;

C) Nomeação imediata dos aprovados no concurso do INSS de 2015, e abertura de concurso público para recomposição da força de trabalho do instituto;

Se organize e participe do ato público em defesa da Previdência e do INSS:


 

 

follow:

CONTEÚDOS