51 3284-1800

SindisprevRS OF

GEAP discrimina servidores aposentados e idosos

COMPARTILHE:

Mais uma vez o governo discrimina os servidores aposentados, quando ao final de 2023, na última reunião CONAD (Conselho Nacional de Administração) da GEAP, decidiu aumentar, inexplicavelmente, a mensalidade do Plano de Saúde em 8,10% para a faixa etária a partir dos 59 anos encaminhando e-mail como presente de grego no 1° dia do ano.

Essa medida, em sequência da proposta apresentada na Mesa Nacional de Negociação Permanente do MGI de reajuste salarial, só demonstra a insensibilidade do governo, etarismo e a prática de continuidade da higienização da carteira da GEAP iniciada na gestão anterior.

É inadmissível que, aqueles que construíram e sustentaram até hoje a GEAP com os recursos que estão sendo usados para subsidiar a tabela apresentada, beneficiando os jovens, NÃO IRÃO USUFRUIR DOS RECURSOS, pois não conseguirão mais se manter no plano, visto a falta de política salarial dos governos e o reajuste no valor do percapita que hoje representa de 8 a 11 % do valor da mensalidade.

Os que construíram a GEAP estão sendo expulsos do plano de auto gestão, que não deve ter fim lucrativo, em prol de uma visão mercantilista característica das operadoras com fins lucrativos nas quais a saúde é mercadoria e é o lucro está acima da dignidade humana.

O SindisprevRS e a Fenasps estão tomando todas as medidas possíveis para que esse descalabro não se concretize. Não vamos aceitar mais essa injustiça e discriminação com os aposentados proposta pela direção e CONAD da GEAP.

Secretaria de Assuntos Jurídicos – SindisprevRS.

AVISOS

CONTEÚDOS