51 3284-1800

SindisprevRS OF

Servidores do INSS em paralisação por 24 horas

COMPARTILHE:

Os servidores do INSS paralisaram as atividades, nesta terça-feira (28). Mesmo com a chuva, os trabalhadores se mantiveram firmes em ato realizado em frente  ao principal prédio da Previdência Social da capital, o IPASE.

Os servidores lutam por melhores condições de trabalho, reajuste salarial, fim do fator previdenciário e concursos públicos. Há um déficit de 17 mil servidores na categoria, sendo que há expectativa de 14 mil se aposentarem nos próximos três anos, na Previdência Social, nacionalmente. Esta situação, a que passam os servidores do Seguro Social, também se alastra em outras categorias do funcionalismo público, que estão em greve há mais de dois meses como a Seguridade Social e a Educação.

Segundo a diretoria colegiada do Sindisprev-RS, somos a sexta economia mundial, com um pacote de concessões favorecendo a burguesia nacional, mas Dilma “não tem tempo” para negociar com os servidores em greve. “Os servidores públicos precisam ser valorizados em suas carreiras. Estamos na maior greve do funcionalismo dos últimos dez anos, e o governo diz não ter tempo para negociar, mas consegue dinheiro para empresários e banqueiros, deixando os direitos básicos sociais da população de lado. Para um melhor atendimento, somente com condições dignas de trabalho, reajuste e concursos públicos. Estamos sobrecarregados de serviço e sem condições alguma de realiza-los, devido o sucateamento que se encontra os postos e agências”, diz a diretoria.

Imagens

MAIS NOTÍCIAS

Informe da Reunião do Comando de Mobilização – 11 de julho

É GREVE!

REDES SOCIAIS

AVISOS

CONTEÚDOS